<BGSOUND SRC="http://www.terraemarmusicas.com.br/sound/nana_Mouskouri_-_en_aranjuez_con_mi_amor.mid">

 

Traçar um perfil sobre minha pessoa... Não é tão dificil.
Sou a somatória de tudo que passou em minha vida.
minha infância feliz, meus amores e desamores.
Meus filhos, minha incerteza na vida, dificuldades e desilusões..
Minhas conquistas e descobertas. O espaço que tenho dentro de mim, que são meus.
A liberdade de fazer, sentir e amar...
Quem poderá falar de mim:
Pessoas que passam em minha vida no momento bom ou ruim,
as que continuaram a passar e viraram amigas.,aos que entreguei meu coração,
Os meus filhos....  Meus pais, meus parentes...
Os que me fizeram rir, e algumas que por alguns motivos me fizeram sofrer.
Portanto  sou o resumo de uma história....
 
Então eu cito alguns trechos de Artur da Távola:
 
Não sou inconstante nas minhas definições. Sou constante nas minhas indefiniçoes. Prefiro assim.
Sou constante, sim, orgulhosamente, no caminho das minhas indefinições. Nelas está a minha ânsia de realidade; a minha fome de mundo; o espanto metafísico; meu medo da morte;a esperança na fé.
A indefiniçao me faz amar o mundo e perder o amor que está ao meu alcance. Faz-me preferir ficar pensando, deitado na rede, a ir a Europa ou à Finlândia. E viajo melhor.
A indefinição me faz aceitar o verso, tendo a crônica; preferir o livro, tendo o jornal; almejar a paz, vivendo na inquietação.
A indefinição me faz aceitar os torpes, compreender os maus e nao entrar em disputa com ninguém.
 
A indefinição me leva a gostar tanto , que me impede de gostar de tudo.Me faz particula de algum cristal.
E bêbada de infinitos sigo por aí. Não sabendo gostar de ninguém, por saber gostar de todos.
Sou como vento que nao sabe por que sopra. mas é constante na sua indefinição de direções.

Soraia Santiago



 

 

Pai...

Você está no meu

coração

pra sempre.

Voce foi meu anjo

aqui na terra,

agora meu anjo no céu..

Beijos

Soraia

Anjo

Acredita em anjo?
Pois é, sou o seu
Soube que anda triste
Que sente falta de alguém
Que não quer amar ninguém
Por isso estou aqui
Vim cuidar de você
Te proteger, te fazer sorrir
Te entender, te ouvir
E quando tiver cansada
Cantar pra você dormir
Te colocar sobre as minhas asas
Te apresentar as estrelas do meu céu
Passar em Saturno e roubar o seu mais lindo anel
Vou secar qualquer lágrima
Que ousar cair
Vou desviar todo mal do seu pensamento
Vou estar contigo a todo momento
Sem que você me veja
Vou fazer tudo que você deseja
Mas, de repente você me beija
O coração dispara
E a consciência sente dor
E eu descubro que além de anjo
Eu posso ser seu amor.

Anjo-Banda Eva

Oração Cigana

Deus está em toda parte ao mesmo tempo.
Ao seu redor e dentro de você.
Você jamais estará desamparado e nunca esta só.
Não permita que a mágoa o perturbe.
Procure manter-se calmo, para ouvir a voz silenciosa de
Deus que esta em você e assim poderá superar todas
as dificuldades que aparecerem em seu caminho e,
há de descobrir a verdade que existe em todas as coisas e pessoas.

Histórico:

- 01/06/2014 a 30/06/2014
- 01/08/2012 a 31/08/2012
- 01/06/2012 a 30/06/2012
- 01/01/2012 a 31/01/2012
- 01/07/2011 a 31/07/2011
- 01/05/2011 a 31/05/2011
- 01/02/2011 a 28/02/2011
- 01/01/2011 a 31/01/2011
- 01/12/2010 a 31/12/2010
- 01/11/2010 a 30/11/2010

As imagens aqui usadas são tiradas da internet ou feitas com tubes tb tirados da internet, qq coisa se eles forem de autoria sua, só comunicar que daremos os devidos creditos, após constatado.

Blogs e Sites que visito.

- Fantasia(ciganita)
- O Ninho do Escritor
- Sergio
- Coisas Sensuais de Lali
- Cantinho da Laranja Lima
- Coisas de Lali
- ...Sou Lali
- Lali...mulher...poema...



Contador:

Votação:

- Dê uma nota para meu blog

Indique esse Blog

Quando me amei de verdade, compreendi que em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato.
E então, pude relaxar.
Hoje sei que isso tem nome... Auto-estima.
Quando me amei de verdade, pude perceber que minha angústia, meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou indo contra minhas verdades.
Hoje sei que isso é...Autenticidade.
Quando me amei de verdade, parei de desejar que a minha vida fosse diferente e comecei a ver que tudo o que acontece contribui para o meu crescimento.
Hoje chamo isso de... Amadurecimento.
Quando me amei de verdade, comecei a perceber como é ofensivo tentar forçar alguma situação ou alguém apenas para realizar aquilo que desejo, mesmo sabendo que não é o momento ou a pessoa não está preparada, inclusive eu mesmo.
Hoje sei que o nome disso é... Respeito.
Quando me amei de verdade comecei a me livrar de tudo que não fosse saudável... Pessoas, tarefas, tudo e qualquer coisa que me pusesse para baixo. De início minha razão chamou essa atitude de egoísmo.
Hoje sei que se chama... Amor-próprio.
Quando me amei de verdade, deixei de temer o meu tempo livre e desisti de fazer grandes planos, abandonei os projetos megalômanos de futuro.
Hoje faço o que acho certo, o que gosto, quando quero e no meu próprio ritmo.
Hoje sei que isso é... Simplicidade.
Quando me amei de verdade, desisti de querer sempre ter razão e, com isso, errei muitas menos vezes.
Hoje descobri a... Humildade.
Quando me amei de verdade, desisti de ficar revivendo o passado e de preocupar com o futuro. Agora, me mantenho no presente, que é onde a vida acontece.
Hoje vivo um dia de cada vez. Isso é... Plenitude.
Quando me amei de verdade, percebi que minha mente pode me atormentar e me decepcionar. Mas quando a coloco a serviço do meu coração, ela se torna uma grande e valiosa aliada.
Tudo isso é... Saber viver!!!

Charles Chaplin

ser um anjo

Queria ser um anjo...Ser o anjo que vela, o
anjo que guarda, o anjo que protege...
Quebrar todas as barreiras elementares e
ser apenas ...um anjo.
Mas não é permitido a um anjo, amar
uma única pessoa, seu amor não pode
ser exclusivo, seu amor deve ser extensivo.
Não é permitido a um anjo chorar por
todas as pessoas...seu pranto é exclusivo,
suas lágrimas devem regar uma por vez,
as flores que brotam em cada alma.

Que anjo posso ser?
Que amor poderei dar?
Que olhos irão me ver?
A quem irei amar?

Queria realmente ser um anjo, ter a
bondade nas faces, a sabedoria no olhar,
saber sorrir, saber confortar...saber
entender os aflitos, saber ensinar.
Ir ao encontro de todos e, a todos amar...
Queria realmente ser um anjo...sorrir ao
ver a ventura do vencedor, se emocionar
com o desespero do perdedor.
Beijar a face daquele que suplica e
aplacar a raiva do inimigo cruel.
Por fim, queria realmente ser um anjo e
poder quebrar todas as regras celestiais,
sentir o amor único, e exclusivo, e chorar
por todos os demais.
Queria somente ser, um anjo...
que ama você...e nada mais.
(Ad)

Dentro de mim mora um anjo

Dentro de mim mora um anjo
que tento transcrevê-lo em palavras.
Duplico suas asas com as minhas,
faço um dreno misterioso,
misturo sonhos angelicais
com a tentação da serenata,
uma música que ele toca para mim.
Saio da órbita real,
uma faceta inenarrável
aos seguintes minutos oscilantes
do período de meus pensamentos,
uma fábrica improvisada
imune ao tempo.

Dentro de mim mora um anjo,
que trama tradicionalmente
a teia do destino paralelo.
Uma perícia barroca
estagnada pelo cosmo universal,
que me enche de risos celestiais
quando o pranto me toma pelos olhos
me consome pelas tristezas.

Ah!!! O anjo que mora em mim,
que me procura e me faz feliz,
que colore meus sonhos no seu espaço,
e catalisa meus atos e pensamentos,
um sortilégio mágico a sua matéria
em sintonia com minha energia.
Eu contemplo meu medo
e ele alivia meu espírito.
Sim!!! O anjo que mora em mim.

Soraia

Um vôo para o infinito

Voar para o além do meu interior,
alcançar rumos paralelos
a minha vida de outrora,
enviesar letras e contos,
espaço adquirido por vontade própria.
Meu querer absoluto.
Uma façanha poética
em amar sem restrição.

Furto docemente sorrisos secretos,
imigro palavras do meu contraste
para um pensamento focalizado,
pelo tempo condicional
à minha vida presente.
Imobilizo pessoas ao meu redor,
tento passar meu lamento,
uma agonia melódica e feliz,
um fluxo lateral e peculiar
aos meus sentimentos.

Imagens loucas variáveis
aos meus olhos dão calor
a um raciocínio ilógico.
Me surpreende os meus gestos
e adquiro histórias diferentes
um pensamento louco e sem razão.
A poesia entra em mim
me torno doida de versos,
reclamo estrofe sincronizada,
tento fazer rimas suficiente
para formar um paradoxo,
um epilogo sem fim.

Recobro meus sentidos,
versejo casualmente,
como se o dom da poesia fosse meu
uma literatura de conceitos
razoavelmente espremida
pela sensação única
de escrever uma fotografia
escaniada pela minha emoção
Um prefácio da minha vida.

Soraia

Cigana de alma

Rodopio no vento...
Levanto a saia colorida e danço com a lua..
sou bela morena fogosa,
espreito o tempo no silencio,
jogo búzios e flores no vento
consulto meus cristais de cores
e na magia do meu olhar
te envolvo na minha sedução
morena da boca vermelha,
que adora mistérios,
o mundo gira em tempestades
meus olhos brilham na luz...
vejo minha bola de cristal, transparente...
como um banho de cachoeira...
minhas mãos; deslizam no espaço
habilidade sobrenatural de viajar.
intocável, levito e insinuo na poesia.
toco pandeiro e sorrio...
escuto o violino e me envolvo
tenho como madrinha, a lua branca
minha confidente em sonhos
e brindo com a taça de prata
a energia das estrelas reluzentes
a paixão da noite azul...
sou cigana....
cigana de alma, da dança e da paixão
cigana da rosa amarela....

Soraia

Anjo

Um anjo delicado e absurdo,
com asas transparentes   e coloridas,
voa diante de mim...  Irremediável nu...
Sem mácula, sem pudor...
Representando a delicadeza,
insustentável das estrelas.
Bloqueio  minha mente a realidade fosca,
e vivo esse momento sem dor...
O anjo....
Apologia dos meus sonhos,
aspecto doce da cor do trigo,
sorriso cândido...
Inebriando uma espécie de paz....
Faço menção de adorá-lo.
Me torno suave estática,
ao seu lado perpetuo a eternidade,
maestria leve de existir.
Desejo que esse momento não tenha fim
o  instante entre o cósmico
e o meu magnetismo...
Uma eterna fuga do meu ser,
então cancelo meus   momentos reais,
e voo para além da solidão.
Minha intimidade
com um anjo barroco,
minha vaidade....
Que caiu do céu...

Soraia

eXTReMe Tracker

Ciganos
* Objetos Simbólicos Sagrados *

Símbolos, amuletos, e talismãs são objetos de proteção, de força, ao qual se atribui um poder místico que estão ligados com sua forma e a simbologia que os mesmo representam
O punhal, o violino, o pandeiro, o leque, o xale, as medalhas e as fitas coloridas; o coral, o âmbar, o ônix, o abalone, a concha marinha (Vieira), o hipocampo (cavalo-marinho), a coruja (mocho), o cavalo, o cachorro, o galo e o lobo são símbolos sagrados para o Povo Cigano.
A verbena, a sálvia, o ópio, o sândalo e algumas resinas extraídas das cascas das árvores sagradas, são ingredientes indispensáveis na manufatura caseira de incensos, velas e sais de banho, mesclados com essências de aromas inebriantes e simplesmente usados nas abluções do dia-a-dia, nos contatos sociais e comerciais, nos encontros amorosos e principalmente nos ritos iniciáticos, de uma forma sensível e absolutamente mágica, conferindo grandes poderes. ÂNCORA
Simboliza segurança. É usado para trazer segurança e equilíbrio no plano físico, financeiro, e para se livrar de perdas materiais.

Chave
Simboliza as soluções. É usado para atrair boas soluções de problemas. O símbolo da chave quando trabalhado no fogo costuma atrair sucesso e riquezas

Coruja
Simboliza "o ver a totalidade". É usado para ampliar a percepção com a sabedoria possibilitando ver à totalidade: o consciente e o inconsciente.

Estrela de 5 pontas
Pentagrama (estrela de 5 pontas) simboliza o Homem Integral (de braços e pernas abetos) interagindo em perfeita harmonia com a plenitude da existência. Simboliza evolução. É usado para proteção, além de estar associada à intuição, sorte e êxito. A estrela representa o domínio dos cincos sentidos. Também conhecida como o Pentagrama.

Estrela de 6 pontas
Simboliza proteção. É usado como talismã de proteção contra inimigos visíveis e invisíveis. Também conhecida como Estrela Cigana e Estrela de David. A Estrela Cigana é o símbolo dos grandes chefes ciganos. Possui seis pontas, formando dois triângulos iguais, que indicam a igualdade entre o que está à cima e o que está a baixo. Representa sucesso e evolução interior.

Ferradura
Simboliza energia e sorte. É usado para atrair energia positiva e boa sorte. A ferradura representa o esforço e o trabalho. Os ciganos têm a ferradura como um poderoso talismã, que atrai a boa sorte, a fortuna e afasta a má sorte.

Lua
Simboliza a magia e os mistérios. A lua é usada geralmente pelas ciganas, para atrair percepção, o poder feminino, a cura e o exorcismo atentando sempre as fases: nova, crescente, cheia e minguante. A lua cheia é o maior elo de ligação com o sagrado, sendo chamada de madrinha. As grandes festas sempre acontecem nas noites de lua cheia

Moeda
Simboliza proteção e prosperidade. É usado contra energias negativas e para atrair dinheiro. A moeda é associada ao equilíbrio e à justiça e relacionada às riquezas materiais e espirituais, que é representada pela cara e coroa. Para os ciganos, cara é o ouro físico, e coroa, o espiritual.

Punhal
Simboliza a força, o poder, vitória e superação. É muito usado nos rituais de magia, tem o poder de transmutar energias. Os ciganos também usavam o punhal para abrir matas, sendo então, um dos grandes símbolos de superação e pioneirismo, além da roda. O punhal também é usado na cerimônia cigana de noivado e casamento, onde é feito um corte nos pulsos dos noivos, em seguida os pulsos são amarrados em um lenço vermelho, representando a união de duas vidas em uma só.

Roda
O grande símbolo geométrico do Povo Cigano é o Círculo Raiado (representando a roda da carroça que gira pelas estradas da vida) provando a não linearidade do tempo e do espaço.
Simboliza a Samsara, representando o ir e vir, o circular, o passar por diversos estados, o ciclo da vida, morte e renascimento, e é usado para atrair a grande consciência, a evolução, o equilíbrio. É o grande símbolo cigano, e é representado pela roda dos vurdón que gira.

Samsara (sânscrito)
- Literalmente significa "viajando". O ciclo de existências, uma sucessão de renascimentos que um ser segue através de vários modos de existências até que alcance da liberação.Vurdón (romanês ou romani - dialeto cigano) - Significa "carroção".

Taça
Simboliza união e receptividade, pois qualquer líquido cabe nela e adquire sua forma. Tanto que, no casamento cigano, os noivos tomam vinho em uma única taça, que representa valor e comunhão eterna.

Trevo
É o símbolo mais tradicional de boa sorte. Trevo de quatro folhas: traz felicidade e fortuna. Quando se encontra um trevo de quatro folhas na natureza, podem-se esperar sempre boas notícias.

Sejam Benvindos!

Onde estou

 Segredos de Soraya

 Fantasia

 Suave Poesia

 Poesia e Músicas

 Recanto das Letras - Ciganita

 Site de Poesias

A Madrinha do meu blog.

Timel

Meu Award.



Meus Blogs


 


 



Lembrancinha para todos os amigos e visitantes.



Awards,Links e Mimos de Amigos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 



.......



- Postado por: ciganita às 14h24
[ ] [ envie esta mensagem ]





 

Brasil sem Nome

 

Ouviram do Ipiranga, oh lábaro amargurado.

Onde andará o povo heróico e o brado sobreposto?

O que me consta o sol da liberdade está americanizado.

Não brilha mais no céu nesse instante. Um rei morto.

 

Se o penhor e os braços fortes fossem aprendizados

Conseguiriam conquistar um Brasil com  um rosto.

O teu solo roubado do berço esplêndido açoitado.

Fogem da luta por causa da nação regida por um ladrão posto.

 

Oh! Pátria amada idolatrada pelos poetas e compositores

Chamando por justiça teme a morte da atmosfera.

Salve! Salve! Brasil dilacerado pela vida e pelas dores.

 

És tu Brasil, do  céu profundo sem amores?

És filhos gentil desse solo grande? Quem me dera!

Negam a sorte de ser da raça! Negam seus benfeitores.

 

Soraia Santiago

 

 

Senhor!!

Dái-me leveza no olhar. Daí-me a paz.

Não tire minha asa que ainda quero voar.

Deixe-me perder o tempo e renascer em uma hora.

 

Senhor !!!

Dái-me o dom de rimar o amor sem pudor.

Não me tire a razão , nem essa minha solidão.

Deixe-me apenas criar espaços em um único som.

 

Senhor!!!

Dái-me então a vontade de  sonhar um sonho.

Não me tire a música, nem essa vontade de cantar

Deixe-me rimar o amor que tenho sem a dor.

 

Senhor!!!

Dái-me o prazer oculto de compor melodias

Não tire do meu interior a fatia que me cabe nessa vida

Coloque-me então a sua disposição e dê-me um pouco do tudo

 

Mas Senhor!!!

Não me prive de um amor secreto e seleto.

Traga-me  conforto daquele olhar que tanto quero.

Dái-me então uma mão que encaixe na minha.

 

Assim, Senhor!!

Solto minhas preces ao mundo, jogo-as ao vento.

Esse mundo sem discernimento eu as entrego.

E seguirei a vida seguindo teus passos e pensamentos.

 

Soraia Santiago



- Postado por: ciganita às 12h58
[ ] [ envie esta mensagem ]







- Postado por: ciganita às 12h51
[ ] [ envie esta mensagem ]





..................................



- Postado por: ciganita às 19h48
[ ] [ envie esta mensagem ]





 



- Postado por: ciganita às 18h37
[ ] [ envie esta mensagem ]





Um poema de amor para atingir o coração tem que ser pessoal e intransferível, de forma a conter o DNA de quem foi contemplado.
Um poeta faz cada paixão ser a primeira e unica, e ser eterna a ponto de sobreviver ao fim.
Pois se a vida sobrevive à morte, porque o amor,gerador da vida, deveria sucumbir?

Sei quando estou apaixonado quando vejo em cada verso ou poema que fiz ou estou fazendo... a imagem de quem amo.

A mulher que eu amo, é uma imagem perfeita, única,inabalavel e eterna, o que muda são as pessoas que assumem essa personagem.

Jader Cristo.

Um escritor que eu gosto muito...

http://jaderchristopublicacoes.blogspot.com/?zx=e020eb565a4f5232



- Postado por: ciganita às 23h24
[ ] [ envie esta mensagem ]







- Postado por: ciganita às 18h03
[ ] [ envie esta mensagem ]






Fica comigo....
 
 
Fica comigo nesse dia, somente fica.
Demore só mais um pouco aqui comigo.
Ouça a música que toco para você. Para você.
Contente-se apenas em me amar agora.


 
Diz-me algo para despertar meus desejos.
Mesmo que esses desejos sejam invisíveis.
Não me venha dizer tolices! Nem cause a dor.
Dê-me noticias, mas não me dê às ruins.


 
Saia da minha vida, mas só fique essa noite.
Tira-me do açoite, traga-me aquela luz azul
Deliciosamente pegue-me em teu colo
E baixinho diga-me palavras de carinho.


 
Se a saudades apertar um dia, lembre-se de mim.
Estarei aqui, estarei ai e em qualquer lugar
Mas nunca me deixe sem sentir esse amor.
Venha à noite e de dia, mas venha me amar.

 
ciganita

 

Canto sereno

 
A vida passa lentamente.
Simetricamente com as horas.
Longe se vai o sol! Anoitece.


 
Pássaros voam para o sul.
As flores espiam a noite chegar.
O mundo contorna a lua cheia.


 
Lua! Lua! És tão linda.
Serena as águas do mar.
Sereno do luar.


 
O vento vem de repente.
Tem gente que sente chegar.
O tempo tem tempo de navegar.
 


Caminhos que andam ao léu.
Trajetórias similares pelos ares.
Direção oposta e singular! Amar.


 
Lua! Lua! És tão linda.
Serena as águas do mar.
Sereno do luar.


 
Luz de verão que aquece um corpo.
Aqui perto se ouve um eco.
Mistério da meia noite! Equilíbrio natural.


 
Expressões indefinidas retratam uma beleza.
O absurdo sensibiliza-se com a chuva.
Fenômeno distinguido por um raio. 

 

ciganita

    

Hoje a homenagem é para nossa amiga Soraia, a ciganita...parabéns pelos seus escritos So, e por ser essa pessoa maravilhosa que é...beijos da sua amiga LaLi... alguns lugares de ciganita...abaixo...clique e conheça...

www.ss-santiago.zip.net
www.suavepoesia.zip.net
www.recantodasletras.com.br/autores/ciganita
www.sitedepoesias.com.br/poetas/ciganita

      



- Postado por: ciganita às 15h27
[ ] [ envie esta mensagem ]





Dores de Fogo
 

Sinto o tempo, em meu corpo que reclama

Diminuir a distância, que separa minha alma

Desta vida incolor, quando a morte se derrama

Iluminando o destino, aliviando este trauma

 

Meus membros quentes, em dores que a chama

Em fogo que derrete, meus sonhos até a palma

Da minha mão já cansada, sem forças e sem gana

Pelo choque que desperta, esperança que acalma.

 

Acordo, ainda é noite, pela dor sou despertado.

Lá fora o silêncio que não houve o meu reclame

Teus olhos cegos, não enxergam o derrame

 

A procura de remédio, para curar este pecado

Que apaga o meu sorriso, no resultado do exame

Refém das dores que limitam o meu certame

 

Murilo Celani Servo

 

 

 Um Corpo Sem Sombra


Não vejo mais minha sombra amiga

É dia claro de sol forte e escaldante

Solidão que na alma muito me fadiga

Ao meu lado o meu vazio sufocante

 

Procuro respostas que o pensar obriga

Com olhar choroso, me sinto distante

Sem a sombra que o meu corpo se liga

Sinto-me leve, nesse tempo sou errante

 

Não existem obstáculos, tudo pra mim é morto

O calor que queima, já não faz nenhum sentido

Grito aos cantos do mundo, e não sou ouvido

 

Vejo uma sombra, acompanhada do seu corpo

Observo-me no espelho, um reflexo despido

Sou a própria sombra, de um corpo falecido

 

Murilo Celani Servo

   


Um poeta que domina bem o soneto e as palavras..

Poeta de alma, poeta do universo... homenagem da semana...


Um pouco dele:

Ainda não sei quem sou, mas sei o que ainda não consegui ser. Amante da música e da boa leitura, admirador da natureza e de todos os astros que brilham lá no céu, vou vivendo sem a preocupação de descobrir quem sou, procurando usar a intuição, pois a razão e a lógica já não me são satisfatórias. Não sou um filósofo, muito menos um escritor. O questionamento da razão me levou a procurar a lógica de todas as coisas, fez com que me apaixonasse pela filosofia, identificando-me com o mundo das idéias, quando percebi que meu pensar, provinha de uma lógica que até então não conhecia...

Leia mais aqui....

Murilo Celani Servo (clique)



- Postado por: ciganita às 18h13
[ ] [ envie esta mensagem ]